Você com certeza já ouviu a frase: “Seja mais líder, saia um pouco da operação!”. Este é um desafio que qualquer profissional passa ao transitar de uma carreira técnica para a de gestão.

Cada vez mais, seus colaboradores terão que confiar em você pelo seu exemplo de conduta e não mais pelo seu exemplo operacional.

Ao longo desta jornada, podemos estabelecer cinco valores que podemos buscar e emanar para o seu time e que, acredito fortemente, podem ser as chaves para uma liderança duradoura em uma cadeira de diretor. São eles:

#1 Honestidade

Eu nunca esconda nada do meu time! NADA! Isto obviamente não é conter assuntos sigilosos, mas é expressar que cada ação ou decisão teve um motivo, seja ele bom ou ruim para a equipe, ela terá que acontecer para o bem da empresa. Nem sempre ganhamos, e a percepção de “perda” para um time deve ser revertida se a situação for o melhor para o objetivo maior. Como reverter este sentimento: conte a verdade!

#2 Coerência

Se você é honesto, boa parte de seus argumentos para seu time já serão COERENTES. O pior sentimento para uma equipe é a sensação de “dois pesos e duas medidas”. Ter um time seguro de que seu líder é coerente ou preza pela coerência, é a melhor forma de compreender decisões que parecem, em um primeiro momento, antagônicas entre si. Em um mundo complexo, decisões são revistas facilmente e até alteradas completamente e seu time merece entender quando elas acontecem!

#3 Confiança

Se você é honesto e coerente, seu time confia em você, e é importante ter RECIPROCIDADE. Formar um time vencedor depende da confiança que o líder tem em sua equipe. Emane bons valores e aquilo se propagará. Em seu artigo mais marcante sobre liderança, o Marc Tawil, fala sobre como o líder precisa desenvolver suas equipes no âmbito pessoal, guiando-as a um propósito, desenvolvendo assim um time mais humanizado. Confiar é perceber que seu time é maduro o suficiente e está emanando valores únicos. Deixar que isso flua naturalmente sem podá-los é a maior prova disso.

#4 Empatia

Coloque-se no lugar do time. Engajá-los para um desafio muito difícil é importante, fazê-lo com uma meta impossível, é DESUMANO! Empatia com um time é garantir que você é seu maior defensor. É observar que o cansaço faz parte do caminho, mas explorar um time até as últimas consequências enfraquece o seu laço com eles. Compreenda o limite de seu time e seja empático em levantar sua bandeira. E mesmo que exista sofrimento, mostre tudo o que você fez para apoiá-los!

#5 Empoderamento

Para um líder técnico em transição o maior desafio, talvez seja o de “largar o osso” da operação. Eu sei, este foi um de meus maiores sofrimentos. Quem não EMPODERA, não cresce e não deixa seus liderados crescerem. Quer ter uma carreira longa e crescente, dê espaço para mostrarem seus atributos e conquistas. Pratique menos o EU, mais o NÓS e MUITO MAIS o: VOCÊS!

Com o tempo e experiência, você naturalmente fará com que suas competências comportamentais sejam o fio condutor para emanar seus VALORES como líder. Por isso PRATIQUE!

Ficou com alguma dúvida? Envie um e-mail para contato@portesadvogados.com.br.

Agora, se seu objetivo é profissionalizar a gestão jurídica da sua Associação, podemos marcar uma reunião para você conhecer melhor nossa estrutura e as diretrizes que podemos implantar em seu negócio, tanto no âmbito jurídico, quanto no contábil. Para isso, entre em contato pelos telefones (31) 2536-1796 ou 2567-2797.